sábado, setembro 18, 2010

Uma súplica, um desabafo...


Ai meu Deus como eu odeio esses pressentimentos meus, e os odeio mais ainda quando é relacionado a pessoas que eu amo, meu Deus o protege, por favor, de todo o qualquer mal, eu sinto que algo de ruim está acontecendo com ele, mas não pode acontecer! Não pode! Não pode! De forma alguma, o que eu vou fazer sem ter ele pra conversar, sem ter ele pra me fazer rir, pra me irritar, me chamar de fresca? Por favor, eu lhe suplico, não deixa nada de ruim acontecer!

Nesse exato momento eu sinto um nó na minha garganta, e a vontade de chorar já está quase me dominando, eu suplico, por favor, não deixa nada acontecer com ele, por favor, ele é muito importante pra mim, não faça isso de novo, eu não sei se sou capaz de suportar toda essa dor mais uma vez! Eu estou com medo... Eu odeio sentir medo.

Eu já não estou nem mesmo conseguindo segurar minhas lágrimas, porque ninguém me dá noticias? Porque ninguém me avisa como ele está? Eu sei que ele não está bem, eu sinto dentro de mim, por favor, alguém me dê notícias dele, antes que eu enlouqueça! Alguém me diz que tudo isso é mentira, que eu não estou com essa sensação de que alguma coisa ruim vai acontecer, por favor, por favor, por favor...

0 comentários:

Search This Blog

Seguidores

Popular Posts

About Me

Minha foto
Gabrielly
A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos,na prudência egoísta que nada arrisca e que, esquivando-nos do sofrimento, perdemos também a felicidade. A dor é inevitável. O sofrimento é opcional. Calos Drummond de Andrade
Visualizar meu perfil completo
Tecnologia do Blogger.